Economia Solidária da Bahia será apresentada em encontro internacional

A política pública de Economia Solidária do Governo da Bahia é  apresentada durante a VI Conferência Internacional de Pesquisas e Estudos sobre Economia Social e Solidária, que tem início na última quarta-feira (29/11) e segue até o próximo sábado (2/12), na Universidade Federal do Amazonas, em Manaus.

O superintendente estadual de Economia Solidária, Milton Barbosa, vai participar da mesa “Experiência do Fomento a Economia Solidária na Gestão Pública”. Na oportunidade, ele vai abordar as principais ações desenvolvidas pela Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), ao longo dos últimos 10 anos, para fomentar o empreendedorismo solidário na Bahia.

O destaque da apresentação serão os Centros Públicos de Economia Solidária (Cesol). Esses espaços – atualmente são oito Cesol distribuídos nos mais diversos territórios do estado – se destinam a articular oportunidades de geração, fortalecimento e promoção do trabalho coletivo, baseado na economia solidária.

Ação pioneira em todo o Brasil no âmbito dos governos estaduais, os Cesol são estruturas criadas e mantidas por meio de parceria entre o poder público e a sociedade civil organizada, convergindo ações de formação, assistência técnica, divulgação, comercialização, crédito, expressão cultural e articulação social e política do movimento de economia solidária.

O moderador do debate será o coordenador de Formação e Divulgação da Setre, Dayvid Souza.

 

Fonte: Ascom/ Setre

 

Textos Relacionados
Deixe seu recado