Nem ódio nem óleo: Salvador terá ato contra poluição das praias

Militantes da causa ambiental, ciclistas, pescadores, a juventude e diversos movimentos sociais agrupados na Frente Brasil Popular (FBP) realizam, neste domingo (10/11), em Salvador, um ato para denunciar o crime ambiental de derramamento de óleo no mar que resultou na poluição das praias do Nordeste brasileiro. A atividade será no Farol da Barra, um dos principais cartões-postais da capital, a partir das 9h.

Batizado de ‘Nem ódio nem óleo’: tire suas manchas da minha praia’, o ato também vai cobrar do governo federal ações mais enérgicas de retirada do material poluente e de prevenção da chegada de novas manchas. Na Bahia, os danos não são só ambientais, pois já têm alterado a dinâmica da população, principalmente da que sobrevive do mar, como pescadores e marisqueiras.

Antes da manifestação, a organização promove também uma ‘bicicleata’, a partir das 8h, com saída da Arena Fonte Nova. Os ciclistas percorrerão as ruas do Centro da capital para denunciar o crime e, às 9h, se juntar ao protesto do Farol da Barra.

Textos Relacionados
Deixe seu recado