Notícia

Ministro anuncia 26 cidades baianas que receberão tocha olímpica

17 setembro, 2015
Quando a chama da Tocha Olímpica for acessa, em 23 de abril, na cidade de Olímpia, na Grécia e aportar, no dia 2 maio de 2016, em Brasília, será dado continuidade a uma história de 2.900 anos, iniciada na Grécia Antiga.
Na Bahia, a tocha chega no dia 19 de maio, na Cidade de Porto Seguro, e vai percorrer 26 municípios, com possibilidade de o roteiro ser estendido para municípios da Chapada Diamantina. Os detalhes foram apresentados nesta quinta-feira (17/9), durante o 4º Encontro de Prefeitos, em Guarajuba, no Litoral Norte.
Presente ao evento, o ministro do Esporte, George Hilton, ressaltou que a passagem da tocha olímpica integra e mobiliza todo o País. “Os olhos do mundo estarão voltados para cada uma das cidades por onde vai passar a tocha. É a oportunidade de mostrar as belezas naturais, manifestações culturais e atrações turísticas de cada uma dessas cidades”, frisou.
Secretário do Trabalho e Esporte, Álvaro Gomes, que representou o governador Rui Costa, lembrou que na Bahia foi formado um Grupo de Trabalho das Olimpíadas, formado por 12 secretarias de Estado. “Além do evento da passagem da tocha, vamos sediar 10 jogos de futebol dos Jogos Olímpicos. A realização de grandes eventos esportivos no nosso estado, como o Campeonato Mundial Júnior de Luta Olímpica, realizado em julho, ajuda a criar a clima olímpico que vamos viver em 2016”, acredita Gomes.
Na Bahia, a tocha passará pelas seguintes cidades: Salvador, Camamu, Capim Grosso, Eunápolis, Feira de Santana, Ibicaraí, Ilhéus, Itabuna, Itacaré, Itamaraju, Itambé, Itapebi, Itapetinga, Itororó, Itubera, Jaguarari, Juazeiro, Paulo Afonso, Porto Seguro, Riachão Jacuípe, Santa Cruz de Cabrália, Senhor do Bonfim, Sobradinho, Teixeira de Freitas, Valença, Vitório da Conquista.
Salvador é a sexta cidade a receber a reunião operacional da tocha olímpica. Anteriormente, a discussão a respeito do revezamento passou por Aracaju (SE), Goiânia (GO), Florianópolis (SC), Maceió (AL) e Vitória (ES).
Roteiro no Brasil – A tocha percorrerá, durante 100 dias, cerca de 300 cidades de todos os estados do Brasil, percorrendo cerca de 20 mil quilômetros, passando pelas mãos de 12 mil condutores. O percurso será iniciado no dia 3 de maio de 2016, na capital federal e encerra a jornada no dia 5 de agosto, no Rio de Janeiro, cidade-sede dos Jogos Olímpicos 2016.
O evento da rota é realizado em uma parceria dos governos municipais, estaduais e federal, além do Comitê Rio 2016 e os patrocinadores do revezamento, que decidem o trajeto e os condutores.
Entre Brasília e Rio de Janeiro, foram selecionados 82 cidades para a tocha pernoitar. Em cada uma delas, haverá shows musicais nacionais e outras atrações para celebrar a passagem da tocha olímpica.
Também estiveram presentes ao evento atletas, como o nadador e campeão mundial de maratonas aquáticas, Allan do Carmo, a boxeadora e medalhista olímpica, Adriana Araújo, além de prefeitos e representantes do governo federal.
PCdoB - Partido Comunista do Brasil - Todos os direitos reservados