Notícia

Oposição repudia corte do prefeito sobre o salário dos servidor municipal

5 abril, 2016

A bancada dos vereadores de oposição da Câmara de Salvador repudia o ato do prefeito ACM Neto de cortar o salário dos servidores municipais, que estão em greve devido à total falta de diálogo do gestor, com vistas a abrir mesa de negociações para discutir as reivindicações da categoria, especialmente em relação ao reajuste salarial.
É importante registrar que o município de Salvador, até dezembro de 2015, apresentou um gasto com pessoal efetivo longe do limite prudencial, apenas 43%, enquanto que o limite é de 51%. Portanto, o município tem condições de aprovar o reajuste que garanta a reposição do poder de compra do salário dos servidores públicos municipais.
O impasse obriga os trabalhadores a manter a paralisação, que já se aproxima de 20 dias, na tentativa de forçar o prefeito a negociar e atender às reivindicações.

PCdoB - Partido Comunista do Brasil - Todos os direitos reservados