Pascoal sobre reforma da Previdência: “Iremos construir a resistência”

O presidente estadual da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Pascoal Carneiro, garantiu que a classe trabalhadora vai fazer o enfrentamento à proposta de reforma previdenciária do governo de Bolsonaro. Ele coordenou os debates da central, durante uma plenária realizada na última sexta-feira (08/02), em Salvador, marcada para discutir as ações de combate à proposta.

Na avaliação de Pascoal, o novo governo pretende, com as novas regras, acabar com o direito à aposentadoria dos trabalhadores e, por conta disso, é preciso mobilizar a classe. “Estamos em um importante momento de conscientizar o trabalhador e falar sobre a luta de classes”, disse às lideranças sindicais presentes no evento.

Para o presidente da CTB-BA, o trabalho de conscientização deverá ser feito a partir das bases. “Iremos construir a resistência, organizar e dialogar com todos, em suas bases, contra a proposta de reforma da Previdência do governo de Jair Bolsonaro”, finalizou Pascoal.

A plenária da central foi preparatória para o encontro das centrais em defesa da Previdência, marcado para o próximo dia 20.

Textos Relacionados
Deixe seu recado