Passeata no Comércio marca o Dia do Basta em Salvador

Foto: Manuel Porto

O Dia do Basta, marcado pelas centrais sindicais contra os retrocessos provocados pelo governo Temer e pela liberdade do ex-presidente Lula, nesta sexta-feira (10/08), contou com uma manifestação em Salvador. Uma passeata pela manhã levou para as ruas da região do Comércio as principais bandeiras de luta dos movimentos social e sindical de diferentes categorias do estado.

A reforma trabalhista, aprovada no ano passado, foi um dos principais alvos do protesto. A manifestação parou em frente ao Fórum da Justiça do Trabalho de Salvador, no Comércio, para apontar os prejuízos trazidos pelas alterações na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Segundo a vice-presidenta estadual da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Rosa de Souza, as mudanças estão resultando em um afastamento dos trabalhadores da Justiça do Trabalho.  “Com essa reforma, o trabalhador fica até impedido de dar uma queixa, pelo risco que tem de ter que pagar para os empresários, caso perca a ação”, defendeu.

Servidores municipais da capital, que estão em greve, também participaram do ato e cobraram respeito do prefeito ACM Neto (DEM).

Textos Relacionados
Deixe seu recado