Perpétua: Subserviência de Bolsonaro aos EUA envergonha o Brasil

 

A líder do PCdoB na Câmara Federal, deputada Perpétua Almeida (AC), fez duras críticas a Bolsonaro, que, no último sábado (04/07), esteve na Embaixada dos Estados Unidos para comemorar o dia da independência daquele país. Sem máscara e acompanhado de aliados, o presidente foi recebido na ocasião pelo embaixador norte-americano, Todd Chapmann.

“Eu sempre achei que subserviência era algo para se envergonhar. Do que riem, com tanta dor e luto no nosso país? Já são 63.295 famílias que choram pela morte dos seus”, lembrou a líder, referindo-se a foto do encontro divulgada nas redes sociais.

Na comemoração, Bolsonaro estava acompanhado de um de seus filhos, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) e dos ministros Braga Netto (Casa Civil), Ernesto Araújo (Relações Interacionais), Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) e Fernando Azevedo (Defesa).

A reunião ocorreu um dia após passar a vigorar a Lei 14.019, que determina a obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção individual em espaços públicos e privados durante a pandemia do novo coronavírus.

Textos Relacionados
Deixe seu recado